Atualizações sobre a morte de Scott Weiland


O TMZ obteve acesso às escutas policiais do atendimento a Scott Weiland, encontrado morto na noite desta quinta-feira, em seu tourbus. A causa imediata foi determinada como ataque cardíaco. Exames posteriores indicarão o que levou o cantor a essa condição. Scott tinha 48 anos e um longo histórico de dependência química. O TMZ também apurou que havia drogas no ônibus em que Scott Weiland foi encontrado morto na noite de quinta-feira. Sua esposa, Jamie, negou que ele tenha consumido substâncias ilícitas nos últimos tempos. O cantor alegava em entrevistas que não usava nada nos últimos 14 anos. 

Os membros do Velvet Revolver – Slash, Duff McKagan, Matt Sorum e Dave Kushner – emitiram o seguinte comunicado oficial:

“Estamos profundamente tristes com a morte de nosso velho amigo e companheiro de banda, Scott Weiland. Experimentamos uma boa parte da vida com ele. Mesmo em seus momentos mais obscuros, o demos amor e esperança. Seu trabalho viverá, não há dúvidas disso. Nossas profundas condolências e pêsames a seus filhos, Noah e Lucy. Viajamos juntos pelo mundo juntos com nossas esposas e crianças. Nos tornamos uma grande família que permanece até hoje. É um acontecimento triste e brutal sob qualquer perspectiva. Descanse em paz, Scott”.

Os integrantes do Stone Temple Pilots – Dean DeLeo (guitarra), Robert DeLeo (baixo) e Eric Kretz (bateria) – postaram a seguinte mensagem online:

Querido Scott,

Deixe-nos começar agradecendo por ter compartilhado sua vida conosco. Juntos, criamos um legado musical que deu felicidades e grandes lembranças a muitas pessoas. As memórias são muitas e estão marcadas profundamente em nós. Sabemos que, a despeito de tudo que enfrentou repetidas vezes e fez você ser quem era, se tratava de uma pessoa abençoada além do que palavras podem descrever. Com profunda tristeza por você e sua família, lamentamos vê-lo indo embora. Todo nosso amor e respeito. Sentiremos sua falta, irmão.

Através das redes sociais, vários músicos se manifestaram sobre a morte do vocalista Scott Weiland, ocorrida na noite de quinta-feira.

Nikki Sixx (Mötley Crüe, Sixx: A.M.): Triste saber da morte de Scott. Espero que não tenha sido por drogas. A parte mais triste é sua família e filhos ficando para trás.

Joe Perry (Aerosmith): Extremamente triste por receber a notícia da morte de Scott. Um performer abençoado. Meus pensamentos estão com seus entes queridos, amigos e fãs.

Alice Cooper: Profundamente triste com a morte de Scott Weiland. Que voz perdemos. Pensamentos e orações com sua família.

Slash (Gusn N’ Roses, Velvet Revolver): Triste dia. Descanse em paz, Scott.

Billy Idol: Scott era um grande cara, super talentoso. Fiz shows com STP e Velvet Revolver. Ele comandava o palco.

Myles Kennedy (Alter Bridge, Slash): Lamentável receber a notícia da morte de Scott Weiland. Era um frontman cativante e tinha o dom de escrever grandes melodias.

Dave Navarro (Jane’s Addiction): Acabo de saber que Scott Weiland morreu. Uma pena, meus pensamentos estão com sua família.

Tom Morello (Rage Against The Machine, Audioslave): Descanse em paz e obrigado pela música, Scott.

Cristina Scabbia (Lacuna Coil): Acordei com a má notícia sobre Scott Weiland. Um verdadeiro e carismático animal do palco. Caras, não deixem as drogas ferrar suas vidas. Nunca vale a pena.

Nick Holmes (Paradise Lost): Triste notícia sobre Scott Weiland, seu primeiro disco não saía do meu aparelho de som nos anos 1990.

Lzzy Hale (Halestorm): Descanse em paz, Scott Weiland. Uma lenda até o fim. Meus sentimentos à família e aos irmãos DeLeo.

Vernon Reid (Living Colour): Está acontecendo de novo como foi com Laney.

Nick Menza (Megadeth): Excursionei com ele por um mês e meio em 1993. Cantávamos músicas do Led Zeppelin juntos na passagem de som.

Juan Croucier (Ratt): Se foi cedo demais. Descanse em paz.

Chris Jericho (Fozzy): Triste ao saber da morte do meu amigo Scott Weiland. Lendário frontman, mas uma pessoa cheia de problemas.

Comentários