Venda de discos de vinil gera mais receita que Spotify, YouTube e VEVO juntos


De acordo com um novo relatório divulgado nos EUA, as vendas de discos de vinil geram mais receita para a indústria da música do que YouTube, Spotify e VEVO juntos. Enquanto os serviços ‘on-demand’ dos apps de streaming movimentaram US$ 163 milhões no primeiro semestre de 2015, a receita do vinil alcançou US$ 222 milhões.

O formato 'bolachão' já representa cerca de 1/3 das vendas físicas de música - houve aumento de 52% no ano passado, mais do que qualquer outra mídia. Os consumidores têm preferido conteúdos exclusivos e vantagens que os recursos analógicos possam oferecer. 

O levantamento mostra o ressurgimento do vinil em um mundo cada vez mais dominado pelo conteúdo digital. Muitos artistas ainda não estão completamente satisfeitos com o lucro dos serviços de streaming e se os bons números dos discos continuarem em alta, muitos músicos vão cogitar aderir ao forma

Comentários